Foto: Divulgação

Você sabia que 77% dos turistas com deficiência consideram a acessibilidade na escolha de destinos e atrativos turísticos? Este foi um dos dados divulgados durante o 19º Festival das Cataratas, resultado de uma pesquisa realizada pelo Ministério do Turismo em todo o país.

Por meio de uma parceria do Mtur com a Itaipu Binacional, Parque Tecnológico Itaipu (PTI) e o Programa Mais Acesso da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), diversas ações sobre Turismo Responsável foram promovidas durante o Festival. O objetivo foi sensibilizar e informar o trade sobre a potencialidade da promoção da acessibilidade nas atividades turísticas.

Além de receberem folhetos com dados sobre o tema, os participantes puderam participar de capacitações sobre atendimento ao turista com deficiência foram ministradas pela consultora Profa. Dra. Marklea Ferst, coordenadora do Programa Mais Acesso.

Essa capacitação é resultado de uma consultoria que a profissional realizou para a UNESCO e para o Ministério do Turismo com mais de mil pessoas com deficiência de todas as regiões do Brasil. “Elaborei um documento com sugestões do que podemos fazer para melhorar o turismo acessível no Brasil. Entre essas sugestões está justamente a falta de capacitação no atendimento ao turista”, explica Marklea.

A gerente de Turismo Sustentável do Parque Tecnológico Itaipu (PTI), Silvana Gomes, ressalta que “o turismo responsável é um segmento que o PTI adotou, ao lado do Ministério do Turismo, e pretende implantar em todos os atrativos. Deste modo, falar em turismo acessível dentro de um festival repleto de gestores, agentes e importantes nomes do turismo faz toda a diferença, já que buscamos, cada vez mais, tornar os espaços e experiências realmente acessíveis”.

No Fórum Internacional de Turismo do Iguassu – que integrou a programação paralela do Festival das Cataratas – também foi oferecido uma capacitação sobre atendimento ao turista com deficiência na Unioeste, com a distribuição de folhetos sobre as pesquisas realizadas pelo Ministério do Turismo.

Pesquisa

Visando aproximar o Ministério do Turismo do trade turístico, a equipe do Mais Acesso aplicou uma pesquisa com os expositores da feira para coletar informações sobre a acessibilidade dos seus destinos e as dificuldades encontradas para atender esse público. O Ministério do Turismo também está mapeando produtos e serviços relacionados ao turismo responsável. A pesquisa está disponível no formulário neste link.

LEIA TAMBÉM: Festival das Cataratas: Paraíba estreia estande próprio no evento