Foto: Divulgação - Transamerica Comandatuba

O março foi de conquistas econômicas no setor turístico no Brasil. Segundo dados divulgados pelo Ministério do Turismo, com base no Novo Caged e disponibilizado pelo Ministério do Trabalho e Emprego, houve um crescimento significativo na criação de empregos, com cerca de 17,4 mil novas vagas.
 

O segmento de alojamento e alimentação foi o principal a impulsionar o setor, responsável por quase metade dos empregos gerados. O ramo de transporte rodoviário de passageiros também teve um desempenho significativo, preenchendo mais de 4 mil vagas formais.
 

Já no setor de serviços, no qual o turismo está incluído, apresentou o maior crescimento no número de postos de trabalho em março, com um saldo de mais de 148 mil vagas, sendo a região Sudeste a líder na criação de empregos, seguida pelo Nordeste. De acordo com o MTE, desde janeiro de 2023 até março de 2024, foram criadas quase 2,2 milhões de vagas formais, alcançando um total de 46 milhões de pessoas empregadas com carteira assinada.
 

Crescimento estimulado pelas empresas do setor
 

Entre empresas do setor turístico que tem estimulado esse crescimento é a startup Pinguim Incentive Travel & Tech, de viagens de incentivo. No entanto, mesmo com viés corporativo, as fundadoras implementaram uma forte política ESG, no qual entre as iniciativas estão incentivar e sempre dar prioridade a pequenos empreendedores locais no desenvolvimento dos roteiros personalizados de cada viagem. Além disso, a empresa desde sua abertura, em 2023, já contratou colaboradores, focando em uma equipe multigeracional.
 

“Nosso objetivo é estimular todas as etapas possíveis da cadeia turística que conseguirmos por meio da Pinguim, desde transporte ao setor de alimentação. Mas, principalmente, dando prioridade ao empreendedor local, não só porque ele tem um fluxo menor de caixa e necessita de ajuda no desenvolvimento, mas também ele traz a cultura local, uma diversidade e experiência diferenciada e inesquecível para os viajantes”, explica Renata Franco, sócia e fundadora da Pinguim.
 

Mais turistas no ecossistema hoteleiro
 

Quem sentiu o aumento da demanda de forma mais direta foram os hotéis, pousadas e resorts, como o Transamerica Comandatuba, por exemplo. Em março de 2023, o resort localizado em uma ilha paradisíaca no sul da Bahia recebeu 3.076 hóspedes, contra 4.483 recebidos em março de 2024, o que representa um aumento de aproximadamente 45,73% no número de hóspedes no comparativo entre os meses.