As pousadas e estabelecimentos pet friendly são procurados nas férias - Fotos: Acervo

A Mars Petcare está lançando uma oportunidade no mercado de turismo pet friendly. A divisão pet da empresa, proprietária de algumas das principais marcas brasileiras, quer aproveitar a crescente demanda por espaços pet friendly e lançou um curso de capacitação de proprietários e funcionários de bares, restaurantes e hotéis que querem adequar seus espaços para receber clientes com seus animais de estimação.

O treinamento faz parte do programa global da companhia chamado Better Cities for Pets que busca desenvolver modelos de espaços e cidades que ofereçam ambientes adequados aos pets. As inscrições já estão abertas e são gratuitas. O treinamento será híbrido, com número limitado para a sessão presencial. As próximas turmas de capacitação acontecem nos dias 18 e 19 de julho para os segmentos de Comer & Beber e Hotelaria, respectivamente.

Para se inscrever no evento webinar, basta acessar o site da Mars Brasil, preencher o formulário e ficar atento ao convite que será encaminhado por e-mail. Na programação do treinamento estão previstos temas, como Política Pet, comunicação, adequação de espaço, entre outros.

“Modelos de negócios pet friendly ganham cada vez mais adeptos em todo o mundo e trazem forte diferencial competitivo no mercado. O Brasil tem a terceira maior população pet do mundo e o papel deles dentro das famílias aumentou significantemente. Iniciativas como esta ajudam a estimular que mais pessoas, comércios e cidades sejam de fato mais acolhedoras para os pets – movimento fundamental para dar vida ao nosso propósito”, explica Marcela Cerda, gerente de Comunicação e Sustentabilidade da Mars.

Os treinamentos serão ministrados pela consultora Cris Berger, da Universidade Pet Friendly.

 “Nós lutamos pela inclusão pet em todos as áreas da sociedade e sabemos que este momento é único na história, pois é inédito. E tudo que é novo gera estranheza e dúvidas de todas as partes: dos pais de pets, que querem estar com seus filhos peludos, e dos estabelecimentos que passam a receber este novo cliente de quatro patas. Portanto, estamos aqui para ajudar, esclarecer, gerar um debate e mostrar que com preparo é possível fidelizar o público com pet sem gerar prejuízo para os negócios, pois quem não aceita pets ou o faz com limitações é porque tem medo”, declara Cris Berger.  A próxima turma para treinamento de espaços pet friendly está prevista para setembro e será voltada para o público de shoppings e condomínios. Fique atendo ao site e redes sociais da Mars e do Guia Petfriendly.

Leia também: Fortaleza lança guia com estabelecimentos petfriendly