Cerro Catedral - Foto: Divulgação

Com a chegada da neve, que se acumulou no Cerro Catedral, o maior centro de esqui da América do Sul, a abertura da temporada de inverno 2024 foi antecipada para esta sexta-feira, 7 de junho. Segundo dados da Emprotur, responsável pelo turismo de Bariloche, essa será a temporada mais longa já registrada.

Apesar do contexto econômico, é esperada uma temporada bem-sucedida, apoiada pela venda antecipada de ingressos e pela expansão da infraestrutura dos teleféricos. Os operadores turísticos preveem um alto fluxo turistas durante todo o mês de julho.

No Cerro Catedral os últimos detalhes estão sendo ajustados para abertura dos teleféricos ao público. As fortes nevascas que ocorreram nos primeiros dias de maio permitiram a abertura de três pistas no setor sul da montanha, possibilitando aos habitantes de Bariloche a oportunidade de desfrutar dos primeiros dias de esqui.

O bondinho, Cable Carril estará aberto de segunda a sábado, das 9h00 às 16h00, para que desejar apreciar a paisagem deslumbrante. Além disso, foram realizados trabalhos intensos para ativar os 27 teleféricos e as 58 pistas, com o objetivo de acolher da melhor forma possível os mais de 600 mil visitantes esperados para esta época.

Novos Teleféricos 

A capacidade do Cerro Catedral aumentou significativamente nos últimos anos, com a inauguração de quatro novos teleféricos. Em dias de grande procura, como durante as férias de inverno, as pistas podem receber cerca de 15 mil pessoas por dia.

Mesmo antes da abertura o otimismo em relação a época se mante. A venda antecipada de ingressos permite aos turistas planejarem as suas viagens com mais antecedência. Estará disponível para os turistas o Flexipass de 5 e 7 dias, com a possibilidade de serem utilizados tanto em 2024 como na temporada seguinte, caso o turista não consiga utilizar todos os ingressos. A venda de ingressos de residentes também tem sido importante, com cerca de 11 mil vendidos em novembro e dezembro, confirmou a Catedral Alta Patagonia.

Conectividade

O aumento dos voos semanais do Brasil para Bariloche também terá um impacto positivo no turismo. As campanhas previamente desenvolvidas pela Emprotur de Bariloche e as previsões das companhias aéreas geram a expectativa de um alto fluxo de visitantes dos países vizinhos, principalmente brasileiros, que deverão chegar à cidade.

Duas companhias aéreas oferecem voos diretos para Bariloche a partir do Brasil. A Aerolíneas Argentinas mantém sete voos diretos por semana (diários) de São Paulo para Bariloche. Já a Azul Linhas Aéreas, por sua vez, vai operar seis voos semanais diretos a partir de 30 de junho e durante todo o mês de julho. Já em agosto serão quatro voos por semana até o dia 25.

Ainda há opções de voos da LATAM com Viagens Promo e CVC, uma vez por semana, sempre aos sábados. Com a primeira os voos serão de 6 a 20 de julho e com a segunda até dia 3 de agosto.

Festival da Neve 

O Cerro Catedral voltará a desempenhar um papel principal no desenvolvimento da Festa Nacional da Neve, um evento de grande importância para Bariloche, que este ano pretende reforçar o trabalho dos pioneiros da cidade. Organizado pelo Departamento Municipal de Turismo, o festival será aberto, como todos os anos, com a tão esperada “Bajada de luces”, imitando a tradicional “bajada de antorchas” (descida de tochas).

Tanto moradores quanto turistas poderão desfrutar de espetáculos artísticos e de atividades desportivas de inverno que serão confirmadas em breve pelos organizadores.