Neve em Cerro Catedral - Foto: Emprotur/Divulgação

O inverno começou esta semana na América do Sul. Com ele, a temporada de frio no Brasil e de neve, em alguns destinos internacionais. Um deles é Bariloche, na Argentina. Já pensando nessa demanda, o destinos espera uma expressiva quantidade de visitantes durante o período. A Emprotur, entidade de fomento ao turismo da cidade argentina, estima uma ocupação média de 90% para os meses de julho e agosto.

Os brasileiros costumam ser os principais visitantes externos de Bariloche. Não à toa que, conforme a Decolar, o destino argentino é o 4º mais requisitado internacionalmente para as férias de julho no Brasil, período de viagem bastante requisitado para viagens durante a estação mais fria do ano. A expectativa da Emprotur para este inverno é de receber cerca de 40 mil brasileiros.

“Em junho, Bariloche já registrou períodos com 90% de ocupação hoteleira, mesmo com a incidência de neve sendo fraca no mês, comparada a julho e agosto. Nossa expectativa é de que, após a reabertura do Cerro Catedral para os esportes de inverno, a cidade possa ainda atrair mais visitantes”, destaca o secretário de Turismo de Bariloche e presidente da Emprotur, Gastón Burlon.

Bariloche abriga o Cerro Catedral, centro de esqui mais desenvolvido da América do Sul, propício para visitar com a família e praticar esportes de neve, mesmo sendo iniciante. A cidade ainda tem outras montanhas famosas, como o Cerro Otto, o Cerro Campanario, Cerro Tronador e Piedras Blancas, ideais para contemplação da natureza e atividades com a neve.

Para quem gosta de caminhadas ao ar livre e esportes de aventura, Bariloche também conta com o Circuito Chico, trilhas e bosques, como o de Arrayanes. E para quem gosta de aproveitar a viagem para desfrutar de boa gastronomia, Bariloche reúne várias opções de pratos, desde as carnes de cortes argentinos, massas, frios, defumados até pratos mais quentes, como fondue de queijo. Por ser considerada referência nacional na produção de chocolate, a cidade ainda possui doces de vários tipos, incluindo chocolate quente, bebida comumente apreciada no inverno.

Leia também: Neve em Bariloche : Cinco destinos para aproveitar a temporada na Argentina